sexta-feira, julho 13, 2007

...

...sem palavras, é isso mesmo. Foi como fiquei quando soube do seu gesto. Sem palavras e com a lagrimazinha da praxe no canto do olho.
Obrigado tia. A sua velinha "protegeu-me"... "ajudou-me".
São gestos como o de ontem que me fazem ter realmente a certeza de que há pessoas, que nem esperávamos, que nos guardam sempre, pensam em nós "naqueles momentos", que torcem muito e querem de todo o coração o melhor na nossa vida.
À minha tia Armanda [nova ;) ] que doente, saiu da cama e veio à rua acender uma velinha e torcer por mim.

um beijo doce e grande para ela*
menina do sorriso

1 comentário:

Vanessa disse...

Às vezes as pessoas surpreendem-nos. Surpreendem-nos não só porque nos demonstram o quão maravilhosas conseguem ser, mas também porque abrem sorrisos no nosso rosto que nos parecem, em dado momento, impossíveis.

Boas Férias :D

Nem sei como aqui vim parar. Mas pronto ;D*