quarta-feira, junho 20, 2007

momentos

Há momentos que nos deixam diferentes; é tal o impacto e o efeito em nós, que os guardamos cá dentro duma forma tão especial que nem achávamos possível. Eu chegava e ía a rebentar sem perceber porquê. As lágrimas, traiçoeiras, insitiam em sair numa altura e lugar que não eram de todo os ideais.
...e sem querer lá estava eu, a desmanchar-me, em frente àquele anjo em forma de mulher. Os olhos dela, grandes e azuis, brilhavam e aqueciam-me. Doce como só ela, abraçou-me. O meu mundo parava ali, e as forças para continuar lá vinham caminhando de novo... a passos lentos, mas em direcção à minha pessoa.

"Come um chocolate. Faz bem. Confia em mim." - foi o final de um momento menos mau e que no fundo foi tão útil e valeu tão a pena.

dedicado à senhora que fez o meu dia de ontem brilhar no escuro.
------------------------------------------------------------
um beijo*
menina do sorriso

2 comentários:

Anónimo disse...

Porque choravas, "paixãozita"? Quaisquer que sejam os motivos, estou seguro que não era caso para tanto! E depois, assenta-te muito melhor aquele sorriso!...
Ah; E já agora, aproveito pera te desejar boa sorte para o(s) exame(s). Mesmo que não creias, nem qeiras estou a torcer.

Bj
Duende de Jardim

Eu mesma disse...

Falamos da mesma pessoa, não é, minha querida? Pois bem, Deus escolhe as jogadas deste interminável jogo, e há quem pare no nosso caminho, e nos faça sentir isso, bem... dessa forma inexplicável!
**